Impressões de uma Sampa sem caminhões na hora do rush
Leonel Fraga de Oliveira 06/03/2012 21:16
Caminhões na hora do rush na Marginal

No dia 05/03/2012 começou pra valer a restrição à circulação de caminhões em algumas vias da cidade de São Paulo, principalmente a Marginal Tietê. Desde dezembro estava valendo, porém somente no dia 05/03/2012 as multas começaram a ser aplicadas. O intuito desta restrição é principalmente aliviar os frequentes congestionamentos no horário de pico, e são válidas entre às 5h e as 9h e entre as 17h e as 22h de segunda à sexta; aos sábados a restrição vale das 10h às 14h.

Meu caminho para o serviço por dentro de SP possui em torno de 38 km, e as avenidas principais e que ocorre a restrição a caminhões são a Salim Farah Maluf e Anhaia Melo. Na volta costumo pegar a Marginal Tietê e a Rodovia Airton Senna. Ontem fiz o meu “plano B”, já que é rodízio do meu carro.

Senti uma imensa melhora no caminho de ida. Nas “CNTP”, a Salim Farah Maluf de vez em quando dá umas “travadas” um pouco antes de começar a descida para a Anhaia Melo, na altura da saída que cai na R. do Orfanato (que as vezes uso de caminho alternativo à Anhaia Melo). Hoje, por incrível que pareça, fiz este trecho mais a Anhaia Melo até a Vila Prudente com boa velocidade.

Já no caminho de volta a situação também melhorou, só que com menor intensidade. A Anhaia Melo andava com um pouco de lentidão, mais devido ao estreitamento de pista causado pelas obras do monotrilho da Linha Verde do Metrô do que excesso de veículos. Já a Salim Farah Maluf foi de boa no sentido Marginal (no sentido Vila Prudente estava bem carregada) e a Marginal… ah, a Marginal. Esta não tem muito jeito mesmo. Da ponte do Tatuapé até a Ponte do Aricanduva era uma lentidão só, depois melhora até mais ou menos a entrada da Airton Senna. Depois disso é contar com a sorte mesmo. Da Airton Senna, vou até o km 25 (saída do Bairro dos Pimentas).

Resumindo a ópera toda, para mim aliviou.

Muita gente, principalmente os caminhoneiros, reclamam das restrições. Porém é sabido que caminhões grandes tormam SIM o trânsito mais lento: não desenvolvem boa velocidade (o limite da Salim é de 60 km/h, e um caminhão anda a metade disso como velocidade média), arrancam lentamente quando os faróis abrem, e quando é subida então nem se fala.

Se um caminhão faz um estrago danado no trânsito diminuindo e muito a velocidade da pista, imagina vários, e ainda por cima ocupando várias faixas da pista que não são destinadas a eles?

Eu, mais do que ninguém, sabe que é dificil adaptar-se a uma nova realidade, e os caminhoneiros e quem depende de seus serviços precisam se adaptar a ela. Logística, meu caro!

Por exemplo, hoje (06/03/2012) houve uma paralização dos motoristas de caminhão tanque. Resultado: muitos postos ficaram sem combustível. Daria muito bem para fazer o abastecimento fora do horário de restrição, né?

Uma Sampa sem trânsito é uma boa idéia, mas hoje em dia isso é utopia…

Leonel Fraga de Oliveira Leonel Fraga de Oliveira é formado em Processamento de Dados na Faculdade de Tecnologia de São Paulo (FATEC-SP - 2002) e anteriormente em Técnico em Eletrônica, pela ETE Professor Aprígio Gonzaga (lá em 1999).
Atualmente trabalha como Analista de Sistemas na Prefeitura Municipal de São Caetano do Sul - SP
Tem como hobbies DJing (também trabalha como DJ freelancer) e ciclismo, além da manutenção dos sites NeoMatrix Light e NeoMatrix Tech.
Gosta de música eletrônica, tecnologia, cinema (super fã de Jornada nas Estrelas), gastronomia e outras coisas mais.


Compartilhe nas redes sociais

   

Deixe seu comentário

comments powered by Disqus

Arquivo de Postagens