É Carnaval!

Um feriadão prolongado, onde muitos vão curtir a folia atrás dos trios elétricos, ver o desfile das escolas de samba, ir aos tradicionais bailes nos clubes da cidade, ou até mesmo desfilar nos blocos de rua da sua comunidade.

Carnaval

É também uma época onde a locupletação carnal rola à solta, mais escancarada, seja na televisão, internet, em muitos meios. É por essas coisas que o Brasil é conhecido lá fora, nessas épocas e em outras, como o País da Bunda. Daqui 9 meses, muita gente vê o resultado hehe (sim, eu ouvia “É o Than” na adolescência hehe, até já compramos CD’s de grupos baianos na época :P ).

Eu, quando mais novo, até que gostava de carnaval, iria sempre ao desfile do bloco de rua do meu saudoso tio Nivaldo, que todos os anos desfilava pelas ruas da Vila Curuçá, aqui na Zona Leste de São Paulo.

Hoje em dia, nem me sobe, nem me desce. Até veria desfile de escola de samba ou iria a um baile de carnaval se me convidassem. Acho as letras dos sambas-enredo interessantes, o rítmo do SAMBA (SAMBA é muito diferente de pagode – eu não suporto pagode hehe) é contagiante e tal. É legal e tal, mas não é a minha preferência primária de “balada” :P

Outras pessoas aproveitam o feriado prolongado para descansar, aproveitar que a cidade está mais tranquila e sair para um parque, para o cinema, comer em bons restaurantes, enfim, fazer programas mais light.

E também há aqueles que vão viajar, seja para interior ou praia.

Vou aproveitar o feriado para descansar. A grana anda curta, por isso nem vai dar para ir viajar. Talvez eu faça um bate-e-volta na praia, só para ver o mar mesmo. E claro, se possível, dar uma bombada de posts para os blogs ;)

Um grande abraço, e segue os conselhos de praxe:

Se beber, não dirija, se dirigir não beba, e se for se locupletar carnalmente, não esqueça de encapar o bicho, senão, já viu!!!